Sobre o projeto

Ao utilizar pela primeira vez esta plataforma, você deve se cadastrar e responder breves questões sobre sua alimentação e seu estado de saúde. No intervalo de duas semanas, você receberá mensagens via email e/ou SMS para preencher mais dois questionários simples e rápidos sobre sua alimentação.

Ao longo do acompanhamento, você receberá notificações para responder novas perguntas sobre sua alimentação, sua saúde e outros fatores que podem influenciar o risco de doenças crônicas.

As suas respostas serão enviadas com toda a segurança para o sistema InterNuvem da USP, onde ficarão armazenadas com as respostas fornecidas pelos demais participantes da pesquisa, sem que seja possível identificá-las como suas.

Qual a importância do estudo?

A relação entre alimentação e doenças crônicas é extremamente complexa e só pode ser analisada por estudos que acompanhem por longos períodos e detalhadamente as características da alimentação e o estado de saúde de um grande número de pessoas.

Estudos deste tipo, realizados em alguns países europeus e nos Estados Unidos, têm identificado padrões de alimentação que, claramente, protegem as pessoas de doenças crônicas, como a chamada "dieta mediterrânea", ou, ao contrário, padrões que aumentam o risco daquelas doenças, como a chamada "dieta ocidental". Entretanto, o conhecimento gerado por um estudo em determinado país nem sempre tem aplicação imediata em outros lugares, uma vez que padrões de alimentação tendem a ser específicos de cada país ou mesmo de cada região de um país. O Estudo NutriNet Brasil irá identificar padrões de alimentação efetivamente praticados nas várias regiões do Brasil e desvendar a relação desses padrões com o risco de obesidade, diabetes, doenças do coração, câncer e outras doenças crônicas que afetam milhões de brasileiros.

Quem realiza o estudo?

O Estudo NutriNet é executado pelo Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde da Universidade de São Paulo (Nupens/USP), sob a coordenação do Dr. Carlos Augusto Monteiro, que é Professor Titular do Departamento de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública da USP e Coordenador Científico do Nupens/USP.

Conta com a participação de pesquisadores de várias unidades da USP (Saúde Pública, Medicina, Instituto do Coração – InCor) e de outras universidades e centros acadêmicos brasileiros (Unifesp, UFMG, UFRGS, UFPel), Fiocruz (Rio de Janeiro e Bahia) e Instituto Nacional do Câncer – Inca. O projeto de pesquisa do Estudo NutriNet foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública da USP (processo nº 88455417.8.0000.5421 em 21/06/2018).